domingo, 5 de junho de 2011

Quem é você?



Quem é você?
Que tira meu sono sem saber, que me atiça..
Me assanha, me devora..é por você que minha alma chama...
Quem é você?
Que nunca vi o rosto, mais a minha boca juro..
Sente seu gosto.
Quem é você?
Revele-se a mim..
És um anjo?
És um homem?
Ou és a vida que vive em mim?
QUEM É VOCÊ??

Nanda Costa





[....]


Sou
o que a vida me permitiu,
sou
o que na vida me sorriu,
me entristeceu,
me enlutou…

Sou
um amigo da paz,
da tolerância
e do Amor…

Sou
um amigo fiel,
sempre ao lado
dos fracos,
dos aflitos,
dos carentes.

Sou
um homem
que defende
a dignidade,
a honra
e a verdade!

Sou
o que outros pensarem,
mas, sou quem sou!

J
osé Manuel Brazão

2 comentários:

  1. Este "duelo" poético é uma beleza,emocionante!

    Amei!

    Um beijo,saudades!

    Sonia Regina

    ResponderEliminar
  2. Belíssimo!
    Sego-te com muita admiração...!

    Suzy

    ResponderEliminar